Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Brasil] Veja o novo E-Jet E2 da Embraer sendo montado

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Brasil] Veja o novo E-Jet E2 da Embraer sendo montado

Mensagem por Amilckar em Seg 15 Fev 2016, 10:08

Veja o novo E-Jet E2 da Embraer sendo montado

Nova geração do jato de passageiros fabricado no Brasil vai decolar no final deste mês


O jato E190-E2 é avaliado em US$ 53 milhões (Embraer)


Está quase tudo pronto para o primeiro voo do novo Embraer 190 E2! Enquanto isso não acontece, a fabricante mostrou como a aeronave foi montada. A apresentação oficial e primeira decolagem do novo jato, o mesmo que aparece no vídeo, está marcada para 25 de fevereiro, na unidade da empresa em São José dos Campos (SP).

A entrega do o primeiro E190-E2 está prevista para o primeiro semestre de 2018. O modelo E195-E2, o maior da família, tem estreia programada para 2019, enquanto o E175-E2, o “caçula”, é planejado para 2020, completando o programa de atualização da linha E-Jets. O investimento da Embraer para atualizar os jatos comerciais é avaliado em US$ 1,7 bilhão.

Uma das principais novidades dos E-Jet E2 serão seus novos motores turbofans, mais eficientes. Segundo a Pratt&Whitney, fabricante do motor, os novos modelos (PW1700G e PW1900G) são até 50% mais silenciosos e têm consumo e custos de manutenção menores, “acima dos dois dígitos”, informou a empresa norte-americana.

Os jatos da Embraer de nova geração também terão comandos “full fly-by-wire”, o que aumenta ainda mais o nível de automação da aeronave – a primeira geração dos E-Jet tem comandos fly-by-wire e mecânicos.

A Embraer também vai oferecer cabines com visor “head-up display”, que vai permitir ao piloto conferir os dados de voo sem desviar os olhos do horizonte. Esse equipamento é semelhante aos utilizados em caças.



E o novo jato da Embraer já tem uma série de interessados. A fabricante recebeu mais de 600 pedidos pela aeronave, entre pedidos firmes (já pagos) e intenções de compra. A primeira geração dos E-Jet, que estreou em 2004, alcançou recentemente 1.200 unidades entregues e ainda tem mais de 300 encomendas.

As primeiras entregas do E-Jet E2 estão programadas para 2018. O primeiro grande cliente dos E-Jets E2 será a companhia norte-americana SkyWest, que já confirmou o pedido de 100 aeronaves e manteve a opção de adquirir outra 100. Em seguida aparece a ILFC, empresa de leasing e revenda de aeronaves, com mais 50 pedidos.

Mercado

Os E-Jets se tornaram uma espécie de proposta de “meio termo” para companhias aéreas, posicionados entre jatos comerciais pequenos e médios, permitindo uma ligação eficiente em rotas regionais, de curto e médio alcance. Regiões que não têm demanda suficiente para encher um Boeing 737 com quase 200 passageiros, podem ser atendidas com a mesma velocidade a jato dos modelos Embraer, de menor porte e capacidades mais adequadas.

Fonte: Airways

_________________
Carlos Amilckar

Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 10848
Reputação : 494
Idade : 51
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum