Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Internacional] China anuncia a construção de porta-aviões

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Internacional] China anuncia a construção de porta-aviões

Mensagem por Amilckar em Seg 04 Jan 2016, 12:02

China anuncia a construção de porta-aviões





A China já possui um porta-aviões, o Liaoning, comprado da Ucrânia em 1998 (Divulgação)


Embarcação será a segunda do gênero a equipar a marinha do país, que já possui um modelo fabricado na Rússia

Atualmente uma das maiores forças militares do mundo, a China planeja se reforçar ainda mais nos próximos anos. O ministério de defesa do país anunciou nessa sexta-feira (1) que está construindo no estaleiro no porto de Dalian seu primeiro porta-aviões de fabricação nacional.

Esse será a segunda embarcação desse tipo a equipar a marinha chinesa. Em 1998, a China comprou da Ucrânia o porta-aviões Varyag, fabricado na antiga União Soviética, e o renomeou como Liaoning. Após um extenso programa de modernização de sistemas e revitalização, o navio-aeródromo entrou em serviço em 2012.

Como revelou Yang Yujun, porta-voz do ministério da defesa da China, o novo porta-aviões do país será uma evolução do Liaoning. Yujun ainda adiantou que a embarcação vai receber caças J-15, a versão chinesa do temido caça russo Sukhoi Su-33, e mais uma aeronave de combate a ser definida.

O porta-voz chinês ainda afirmou que a embarcação terá propulsão convencional (ou seja, não nuclear) e terá capacidade para deslocar cerca de 50.000 toneladas – o Liaoning pode navegar com até 59.000 toneladas (totalmente carregado). Já o lançamento das aeronaves será por meio do sky-jump e não por catapultas.


Os caças vão decolar com a ajuda de uma rampa no novo porta-aviões chinês (Divulgação)

“Temos uma longa linha costeira e vastas zonas marítimas sob nossa jurisdição”, disse o porta-voz. “É um dever sagrado das forças armadas chinesas para salvaguardar a segurança marítima, a soberania sobre os mares territoriais e os direitos marítimos do país”, completou. As autoridades chinesas, porém, não divulgaram quando a nova embarcação será finalizada.

Fonte: Airway

_________________
Carlos Amilckar

Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 10849
Reputação : 494
Idade : 51
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum