Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Brasil] GOL corrige falhas em seu site após multa nos Estados Unidos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Brasil] GOL corrige falhas em seu site após multa nos Estados Unidos

Mensagem por Amilckar em Qua 27 Nov 2013, 18:31

GOL corrige falhas em seu site após multa nos Estados Unidos

Companhia aérea GOL afirmou que já corrigiu as falhas em seu site que ocasionaram uma multa de US$ 250 mil imposta pelo Departamento de Transporte dos EUA


Divulgação/Facebook




Avião da GOL Linhas Aéreas: a multa foi aplicada pois site que a GOL lançou em 2012 não incluía informações como planos de contingência para gerenciar atrasos



Rio de Janeiro - A companhia aérea GOL afirmou nesta quarta-feira que já corrigiu as falhas em seu site que ocasionaram uma multa de US$ 250 mil imposta pelo Departamento de Transporte dos Estados Unidos por violação das normas de proteção aos consumidores.

A multa, anunciada ontem por Washington, foi aplicada pois o site que a GOL lançou em 2012 não incluía informações como planos de contingência para gerenciar atrasos prolongados com aviões em pista e um link com a lista de preços por bagagem e serviços opcionais.
A GOL informou à Agência Efe que "ajustou a forma de acesso dos clientes a dados já disponíveis na página de compras da companhia para passageiros nos Estados Unidos, que não estavam de acordo com as determinações do Departamento de Transportes".


A companhia aérea acrescentou que realizou as alterações exigidas, que assinou um acordo com o Departamento de Transportes e que aceitou pagar a multa.
"A GOL esclarece que o site funciona desde o final de 2012 e que, desde então, não registrou nenhuma reclamação por parte de nenhum cliente", concluiu a nota.


O Departamento de Transportes alegou que a empresa violou as normas de proteção aos consumidores por não revelar toda a informação sobre as taxas aplicadas aos viajantes.
O órgão argumentou ainda que a companhia aérea brasileira não informava em seu site a totalidade de impostos e taxas aplicadas nas buscas dos consumidores, e que dificultava o acesso às condições de viagem até a busca ter sido completada, o que impedia a comparação com preços de outras companhias.


A multa foi a maior já aplicada pela agência americana desde que reforçou a legislação de proteção dos passageiros em abril de 2011.
"Adotamos estas normas para assegurar que os passageiros sejam tratados com respeito quando compram uma passagem ou embarquem em um avião", afirmou Anthony Foxx, secretário de Transporte dos EUA em uma nota de imprensa.

Fonte: Exame.com

_________________
Carlos Amilckar

Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 10849
Reputação : 494
Idade : 51
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum