Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Internacional] Francês impedido de voar por obesidade ganha passagem de avião

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Internacional] Francês impedido de voar por obesidade ganha passagem de avião

Mensagem por Amilckar em Sex 22 Nov 2013, 09:54

Francês impedido de voar por obesidade ganha passagem de avião

Kevin Chenais, de 22 anos, sofre de desequilíbrio hormonal.

Com 230 kg, ele também não conseguiu ir de navio.


Um francês considerado gordo demais para voar conseguiu, finalmente, garantir um bilhete de avião para voltar para a Europa após o fracasso de um plano alternativo de levá-lo de navio, informou seu pai nesta segunda-feira (18).

Kevin Chenais - que sofre de um desequilíbrio hormonal e foi aos Estados Unidos para se tratar - deve embarcar em um voo noturno da companhia Virgin de Nova York para Londres acompanhado dos pais, disse René Chenais à agência de notícias France Presse.

No entanto, Chenais disse não ter certeza como a família fará depois que chegar a Londres.

Este é o último acontecimento de uma saga que começou no mês passado, quando a companhia aérea British Airways determinou que o jovem de 22 anos, que pesa 230 Kg, era pesado demais para embarcar.

Depois disso, a família passou uma semana no hotel de um aeroporto de Chicago, tentando resolver o problema e, com o dinheiro indo embora, decidiu que sua única opção seria pegar um trem para Nova York para, então, atravessar o Atlântico a bordo do navio de cruzeiro Queen Mary.


Mas os responsáveis pelo transatlântico "tampouco quiseram receber Kevin a bordo, alegando problemas de saúde", disse Chenais em entrevista por telefone a caminho do aeroporto, procedente de um hotel do Brooklyn.

A British Airways informou à France Presse que sua equipe de atendimento ao cliente "trabalhou com diligência para encontrar uma solução" para o problema. No entanto, segundo uma porta-voz da companhia, "não foi possível acomodar com segurança o cliente em quaisquer de nossas aeronaves."

Chenais, que precisa de oxigênio e cuidados médicos, veio aos Estados Unidos procedente da França em maio de 2012 para se tratar na Clínica Mayo, em Minnesota.

Seus problemas de saúde, que impedem que ele leve uma vida normal, começou quando ele tinha seis meses de idade, segundo o pai.

Apesar de todos os 'reveses', Chenais disse que o filho - que esperava embarcar no Queen Mary - estava 'um pouco triste' em deixar os Estados Unidos.

Fonte: France Presse via G1 - Imagens: Reprodução
Via: Aviationnews

_________________
Carlos Amilckar

Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 10848
Reputação : 494
Idade : 51
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum