Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


Expressões, Siglas e Alfabeto Aeronáutico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Expressões, Siglas e Alfabeto Aeronáutico

Mensagem por Roberto BR em Sab 02 Mar 2013, 12:08

Aos novatos na aviação, encontrei isso e achei muito interessante aos amigos que estão iniciando no FS, algumas expressões, siglas e o alfabeto aeronáutico.

No inicio fiquei um pouco perdido com as expressões por nao ter um bom ingles, e achei que poderia ser a duvida para muitos que estão iniciando na aviaçâo tambem.

ALGUMAS SIGLAS

ACFT: Aeronave(AirCraFT)
ACI: Airports Council International
AD: Aeródromo(aeroporto)
APP: aproximação
AVgas: Gasolina de Aviação

PAX: passageiros

QAv: Querosene de aviação

RWY: Pista de pouso/decolagem(RunWaY)

SID: procedimento de saída
STAR: procedimento de chegada

TPS: terminal de passageiros
TXWY: taxiway


EXPRESSÕES

Bird Strike: colizão com pássaros;

Callsing: Nome escolhido para representar uma empresa aérea em suas transmissões por rádio.

Concourse: Terminal de embarque e desembarque remoto, porém com todas as facilidades, serviços , segurança e conforto que um terminal-matriz. Ao invés do passageiro ficar no terminal-matriz e se dirigir a uma posição remota para embarque , ele se dirige ao concourse e lá possui todo o conforto para aguardar o seu voo, e embarcar por uma ponte normal, não havendo a necessidade de deslocamento por meio de ônibus.

EFIS(Electronic Flight Instrument Systems): Avançados recursos de navegação que projetam simbologias e instrumentação no pára-brisa da aeronave, cujas funções é guiar as ações do piloto;

E-jet: Expressão usada para definir os aviões a jato fabricados pela Embraer, nos modelos 190/195 e 170/175

Finger: Passarelas telescópicas para embarque/desembarque, presentes nos terminais dos aeroportos mais modernos, desde a década de sessenta;

Flap Fowler: momento em que flape se desloca da parte inferior da asa para trás e para baixo, considerado o de melhor eficiência aerodinâmica;

Flight Deck: é a cabina de pilotagem em alguns casos é compartimento elevado, em certas aeronaves, usado pelo piloto, co-piloto ou engenheiro de vôo.

Galley: São as áreas de preparação e armazenagem de alimentos e bebidas numa aeronave, normalmente encontradas nos extremos da cabine de passageiros;

ILS (Instrument Landing System): Auxílios eletrônicos, visuais e sonoros ao pouso. São três os seus componentes: localizer, glide slope e Marcadores;

Jetstream: Estreita corrente de vento encontrada em grandes altitudes, que é considerada na navegação para aumentar, quando possível, a velocidade em relação ao solo. É também uma tipologia de acft, snme inglesa.

Landing: aterrissagem;

Landing Gear: é o trem de pouso. Conjunto formado por rodas, pneus, suportes e outros equipamentos que uma aeronave utiliza para pousar ou manobrar em terra.

Low Cost, Low Fare: Padrão operacional adotado por algumas novas empresas aéreas, que oferecem serviços simplificados em troca de passagens mais baixas. Normalmente, sem serviço e entretenimento de bordo.

Mach: Velocidade de uma aeronave em relação à velocidade do som (1116 pés por segundo ou 340 metros por segundo ou, ainda, 1220 km/h ao nível do mar). Se um avião está voando numa velocidade igual ao dobro da velocidade do som, diz-se que ele está em Mach 2, normalmente os voos de cruzeiros por acft comercial estão por volta de Mach 0,82;

Over Rotation: Excessivo ângulo de rotação da aeronave durante a decolagem. Quando ela levanta demais a frente, abaixa a parte posterior da fuselagem, trazendo-a perigosamente perto da pista.

Push Back: Empurrar para trás o avião no pátio do aeroporto, através de veículos industriais, do tipo trator.

Tail: cauda do avião ;

Take-off: decolagem, momento em que a aeronave deixa o solo e começa a voar;

Transponder: é um tipo de rádio que recebe sinais de questionamentos do ATC e automaticamente retorna sinais para o ATC, baseados no código de identificação pré-fixado pelo piloto, permitindo a identificação da aeronave nas telas de radar do ATC

Turbofan: é um tipo de motor a jato que utiliza uma espécie de ventilador à entrada de ar (tomada de ar). Motor utilizado nos B 747;

Winglets: Pontas das asas dobradas para cima, que diminuem o arrasto da aeronave, reduzindo também o consumo de combustível.

Alfabeto Aeronáutico:

0 - Zero / Zero
1 - Uno / One
2 - Dois / Two
3 - Três / Three
4 - Quatro / Four
5 - Cinco / Five
6 - Meia / Six
7 - Sete / Seven
8 - Oito / Eight
9 - Nove / Nine

A - Alpha
B - Bravo
C - Charlie
D - Delta
E - Echo
F - Foxtrot
G - Golf
H - Hotel
I - India
J - Juliet
K - Kilo
L - Lima
M - Mike
N - November
O - Oscar
P - Papa
Q - Quebec
R - Romeo
S - Sierra
T - Tango
U - Uniform
V - Victor
W - Whiskey
X - Xray
Y - Yankee
Z - Zulu


Grande abraço e bons voos

Roberto
avatar
Roberto BR
Major
Major

Masculino
Inscrito em : 02/08/2012
Mensagens : 292
Reputação : 14
Idade : 37
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Publicitario
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum