Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Portugal] TAP liderou tráfego no Porto em Maio Gse_multipart13851

[Portugal] TAP liderou tráfego no Porto em Maio

Ir em baixo

[Portugal] TAP liderou tráfego no Porto em Maio Empty [Portugal] TAP liderou tráfego no Porto em Maio

Mensagem por Amilckar em Qui 17 Jun 2010, 20:54

TAP liderou tráfego no Porto em Maio
16-Jun-2010
[Portugal] TAP liderou tráfego no Porto em Maio Not_0019Com mais 33 passageiros que a Ryanair
As companhias low cost passaram este ano a dominar o tráfego de passageiros para o Aeroporto Sá Carneiro do Porto, mas individualmente a TAP segurou neste mês a liderança, com 33 passageiros de avanço em relação à nº 2, a Ryanair, que tem base na Invicta desde Setembro de 2009. Dados de tráfego do Aeroporto do Porto no mês de Maio a que o PressTUR teve acesso indicam que a TAP transportou 138.200 passageiros de e para a Invicta emquanto a Ryanair teve 138.167, mas enquanto em relação a Maio de 2009 a TAP teve um crescimento em 0,9%, a Ryanair, que tem estado a expandir a base do Porto, cresceu 40%.
Cada uma das companhias teve assim 32% do total de passageiros no Aeroporto do Porto em Maio, muito à frente das restantes transportadoras, a primeira das quais foi a easyJet, com 12,3% (53.029 passageiros, +45,3% que há um ano), e, seguidamente, Lufthansa, com 6,2% (26.961 passageiros, +8,4% que há um ano), e Transavia France, com 4,5% (19.424 passageiros, +18,7% que há um ano).
Em Maio, embarcaram e desembarcaram no Aeroporto do Porto 419.823 passageiros de voos comerciais, mais 15,5% que no mês homólogo de 2009.
As low cost lideraram, com 50,7% do total de passageiros (219.192, +33% que há um ano), as transportadoras regulares portuguesas tiveram 33,2% do total de passageiros (143.393, -1,8% que há um ano), as companhias regulares "tradicionais" estrangeiras tiveram 13,3% (57.238, sensivelmente o mesmo que há um ano), e em voos charter voaram 2,8% do total de passageiros (11.905, +102,5% que há um ano).
No segmento de voos low cost, depois da Ryanair, easyJet e Transavia France vem a Air Berlin, com 2% do total de passageiros no mês (8.846, +14,5% que há um ano).
Nas "tradicionais" portuguesas, depois da TAP está a SATA Internacional, com 1,7% do total de passageiros (7.493, -8,7% que há um ano), e nas regulares internacionais, depois da Lufthansa, vêm a Air Nostrum, franchisada da Iberia, com 2,9% (12.367 passageiros, -14,7% que há um ano), a Aigle Azur, com 2% (8.527 passageiros, -5,9% que há um ano), e a Brussels, com 1,4% (6.118 passageiros, +13,8% que há um ano).
Em número de voos, a TAP em a liderança destacada, com 1.909 chegadas e partidas, ainda assim –10,5% que há um ano.
A companhia portuguesa realizou 42,5% do total de movimentos de e para o Porto, à frente da Ryanair, com 20,3% (914 partidas e chegadas, +37,7% que há um ano), easyJet, com 8,5% (384 partidas e chegadas, +47,7% que há um ano), Air Nostrum, com 4,9% (221 partidas e chegadas, -10,9% que há um ano), e Lufthansa, com 4% (182 partidas e chegadas, -2,2% que há um ano).
Para os cinco meses de Janeiro a Maio, os dados do Aeroporto do Porto a que o PressTUR teve acesso indicam um crescimento médio do número de passageiros em voos comerciais de e para o Porto em 12,5%, para 1.859.907, apesar de uma redução do número de movimentos (partidas e chegadas) em 0,2%, para 21.051.
Neste período, as low cost (Air Berlin, easyJet Switzerland, easyjet Airlines, Ryanair, Hapag-Lloyd Express, Transavia France e Volare) transportaram 49,9% do total de passageiros (929.456, +29,8% que no período homólogo de 2009) e as companhias "tradicionais" regulares, 48,7% (906.766 passageiros, -0,3% que há um ano), com 36% das portuguesas (669.958, +1% que em 2009) e 12,7% das estrangeiras (236.808, -3,9% que em 2009).
As companhias charter representaram 1,2 do total de passageiros (22.959, -16% que em 2009).
Por companhias, a TAP, com 638.927 passageiros, +0,4% que há um ano, é a líder nos cinco meses, tendo uma quota de mercado de 34,4%.
Depois vêm a Ryanair, com 31,4% (584.557 passageiros, +39,7% que em 2009), a easyJet, com 12,8% (237.722 passageiros, +47,2% que há um ano), a Lufthansa, com 5,7% (105.575 passageiros, -1% que há um ano), e Transavia France, com 4% (74.338 passageiros, -10,8% que há um ano).
A completarem o Top10 das companhias que operaram de e para o Porto nos primeiros cinco meses de 2010 estão a Air Nostrum, com 3,1% do total de passageiros do Aeroporto (58.441, -9,6% que há um ano), Aigle Azur, com 2% (36.612, -8,1% que há um ano), Air Berlin, com 1,8% (34.207, +12,5% que há um ano), SATA Internacional, com 1,8% (33.769, +0,9% que há um ano), e Brussels Airlines, com 1% (18.812 passageiros, -5,1% que há um ano).
Em número de movimentos (partidas e chegadas) a TAP é líder destacada com 44,8% do total do Aeroporto, apesar de ter reduzido a operação em 12,4% para 9.430 partidas e chegadas.
Entre as restantes companhias do Top10 no Aeroporto do Porto em número de movimentos, só a Ryanair, a easyJet e a Transavia France aumentaram a operação, respectivamente em 43,7%, para 4.076 movimentos (19,4% do total do Aeroporto), em 46,9%, para 1.741 (8,3% do total), e em 4,7%, para 583 (2,8% do total)
A Air Nostrum reduziu 7,4%, para 1.106, a Lufthansa reduziu 5%, para 855, a Aigle Azur reduziu 5,2%, para 290, a Air Berlin reduziu 1%, para 301, a Brussels reduziu 5,9%, para 222, e a SATA Internacional reduziu 8,3%, para 242.
Estas reduções decorrem em grande parte do efeito do encerramento do espaço aéreo em vários países europeus em Abril e em Maio.
Apesar do decréscimo do número de movimentos, as estatísticas do Aeroporto do Porto indicam que a oferta de lugares aumentou 15,8% em Maio, para 600.920, e de Janeiro a Maio tem um aumento de 10,7%, para 2.755.077.
Em voos regulares, em Maio o aumento foi de 12,6% em Maio, para 574.718, e de Janeiro a Maio é de 10,9%, para 2.708.294. Nos charters, em Maio há um aumento do número de lugares disponíveis em 202,4%, para 26.202, mas desde o início do ano há um decréscimo em 1,2%, para 46.783.
Como estes incrementos da oferta de lugares são menores que o crescimento da procura (+15,5% em Maio e +12,5% de Janeiro a Maio), o efeito é a subida da ocupação dos voos.
Segundo as estatísticas do Aeroporto do Porto, em Maio cada voo que aterrou e/ou descolou da Invicta em Maio tinha a bordo 102 passageiros, mais 11% que há um ano, e nos cinco meses a média é de 95 passageiros, mais 11,8% que há um ano.
Nos voos regulares a média em Maio foi de 105 passageiros por avião, mais 11,7% que há um ano, e nos cinco meses a média está em 97 (+12,5%).
Nos voos charter, a média foi de 54 passageiros em Maio (+27,3%) e de Janeiro a Maio é de 36 (-20,1%).
O Aeroporto indicou ainda que a taxa média de ocupação dos voos (em relação ao total de lugares disponíveis) foi em Maio de 73% (+0,5%), com 74% nos voos regulares (+1,4%) e 59% nos charters (-20,9%). Nos cinco meses de Janeiro a Maio a taxa média sobe 1,9%, para 68%, pela subida de 2% nos voos regulares, para 68%, enquanto nos charters há um decréscimo em 6,7%, para 63%.
Fonte: Presstur
Amilckar
Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 11036
Reputação : 512
Idade : 55
Simulador preferido : P3D V3
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum