Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões Gse_multipart13851

[Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões

Ir em baixo

[Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões Empty [Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões

Mensagem por João Pedro em Ter 21 Ago 2012, 15:28

No fim de junho desse ano, a GE foi condenada pela Justiça Brasileira a pagar à massa falida da Transbrasil cerca de R$ 400 milhões, pela cobrança indevida de notas promissórias quitadas. Porém, a empresa não realizou o pagamento, e recebeu uma nova advertência do Tribunal de Justiça de São Paulo no início de agosto, informando que a multinacional está sujeita a multa sobre esse valor, caso insista na inadimplência.

Para esquentar ainda mais a chapa, a defesa da companhia fundada por Omar Fontana também poderá recorrer ao pedido de penhora de bens da General Electric e de suas parceiras para garantir o pagamento que permitiria o repasse para quitação de parte das dívidas da Transbrasil.

A decisão, contudo, transcende a simples obrigatoriedade do pagamento por parte da GE, e abre também, ainda que remota, uma possibilidade para a reversão da decisão de falência da companhia aérea, decretada em 2003. Isso porque, conforme apresenta a defesa da Transbrasil, a falência teria sido decretada em razão do processo movido pela GE, em 2001, pedindo o pagamento indevido de uma entre seis notas promissórias emitidas pela Transbrasil.

Então, os R$ 400 milhões se referem, conforme explica o advogado da companhia, Cristiano Martins, apenas ao montante que a GE cobrou, atualizado aos valores de hoje. Além disso, seria necessário também o ressarcimento de perdas e danos sofridos pela companhia já que ela poderia estar operando até hoje. Ficou assim estabelecida a contratação de um perito para calcular esse prejuízo sofrido pela companhia.

Cristiano afirmou que só depois de contabilizado todo esse montante, será possível ter clareza do quanto a Transbrasil deve, a quem, e em razão de quais circunstâncias. “Não podemos deixar de cobrar tudo o que a Transbrasil deixou de ganhar porque, à época, a lei que regulamentava os processos de falências era outra e, da maneira como se deu a divulgação da possibilidade de fechamento da companhia, isso já trouxe perdas irreversíveis e irreparáveis, que levaram ao fim da operação da empresa”, diz Martins.

Por isso, mais do que a multa pela suposta cobrança indevida de notas promissórias, a Transbrasil quer receber da GE uma indenização pela interrupção de suas atividades. “No dia anterior ao pedido, a Transbrasil recebeu 30 mil consultas para compra de passagens. No dia seguinte, foram apenas 300. O temor que se espalhou entre os clientes e fornecedores por este pedido foi uma catástrofe para a Transbrasil”, afirma o advogado.

Entre os principais prejudicados com o processo de falência, estão os cerca de 3 mil ex-funcionários da companhia que esperam, agora, finalmente serem ressarcidos de suas perdas. Criticam, inclusive, o governo brasileiro por oferecer incentivos à GE, que sob essa ótica teria sido a principal responsável por suas demissões.

Especialistas em falências apontam que não se trata de um procedimento simples comprovar que é da multinacional americana a responsabilidade pela quebra da Transbrasil. Para a GE, a companhia quebrou por ineficiência, endividamento e pela competição acirrada no setor.

As empresas Aercap Ireland Limited e Aercap Leasing USA, do grupo General Electric Capital Corporation, alegaram no STJ, ao pedir liminar em Medida Cautelar, que a execução provisória de cerca de R$ 400 milhões feita pela Transbrasil “poderia causar danos irreversíveis a qualquer empresa”. Por tratar-se de uma empresa global, o pagamento de um montante desse valor por parte da GE poderia acarretar também a necessidade de a companhia dar explicações à seus investidores.

Bom, se a Transbrasil voltará a voar com seus aviões coloridos, não sabemos. Se a dívida será paga, juntamente com uma indenização por perdas e danos, também não sabemos. Mas que a Transbrasil ainda é uma marca forte e faz muita falta em nossos céus, ah, isso sim nós sabemos.

via

_________________
João Pedro Duarte
Conheça o Mach, ferramenta para planejamento online de voo totalmente gratuita: https://jpedroh.github.io/mach/
João Pedro
João Pedro
Brigadeiro
Brigadeiro

Masculino
Inscrito em : 30/11/2011
Mensagens : 2751
Reputação : 229
Idade : 20
Simulador preferido : P3D
Emprego/lazer : Estudante
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões Empty Re: [Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões

Mensagem por jpkosta em Ter 21 Ago 2012, 16:00

eu adorava a transbrasil...
tanto nas cores antigas qto nas novas (epoca em que voava)

_________________
Porque antes de se espatifar no chão, agente aperta "reset"  Very Happy
Acompanhe meu canal no Youtube: www.youtube.com/flightsimhost
Windows 10 64 Bits, MOBO Gigabyte Z270XP SLI, I7 7700k Kaby Lake 4,6Ghz OC 5.0Ghz, NVidia GTX1070 256bits, 8Gb DDR5, 32GB RAM DDR4 2400Ghz OC 3000GhZ, 02 SSD Samsung 120GB, 01 SSD 960 PRO NVMe M.2 512GB, HidroCooler H75,
jpkosta
jpkosta
Major
Major

Masculino
Inscrito em : 27/08/2009
Mensagens : 401
Reputação : -16
Idade : 41
Simulador preferido : Prepar3D
Emprego/lazer : Administrador
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões Empty Re: [Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões

Mensagem por Leber em Qua 22 Ago 2012, 12:30

Tomara que pelos menos consigam pagar pelo menos os ex-colaboradores !, esse povo não tem nada haver com essa confusão toda aí...

Agora pensa em uma condenação favorável a TB, que obrigue a GE pagar todos os danos sofridos pela falência... Acho que seria algo inédito no mundo da aviação, e até dos negócios corporativos !

scratch

_________________
O que me incomoda nas pessoas não são as suas limitações, mas sim a atitude delas em relação a isso !...
Leber
Leber
Moderador
Moderador

Masculino
Inscrito em : 16/01/2012
Mensagens : 3589
Reputação : 357
Idade : 36
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Voar, voar e voar !
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

[Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões Empty Re: [Brasil] General Electric X Transbrasil: Uma briga de R$ 400 milhões

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum