Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.



Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Ir em baixo

Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Mensagem por André Vieira em Qua 16 Jan 2019, 15:09

Aquele acidente da Swiss International Air Lines. Lá em Halifax.
Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia. Pode ter certeza. A situação era parecida. Dava para pousar sim. Se o comandante da Latam fez o do Swissair também conseguia. Att André

André Vieira
Segundo-Tenente
Segundo-Tenente

Masculino
Inscrito em : 16/01/2019
Mensagens : 21
Reputação : 0
Idade : 51
Simulador preferido : fs 2004
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Mensagem por GustavoMinuano em Qua 16 Jan 2019, 17:24

André Vieira escreveu:Aquele acidente da Swiss International Air Lines. Lá em Halifax.
Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia. Pode ter certeza. A situação era parecida. Dava para pousar sim. Se o comandante da Latam fez o do Swissair também conseguia. Att André

Olá André, seja bem vindo ao fórum voo virtual.

Vou de contramão com sua afirmação. Não, o SwissAir 111 (MD11) não teria conseguido pousar uma vez que o principal motivo do acidente foi fogo à bordo, consumindo grande parte dos controles da aeronave e ocasionando uma série de falhas. A tripulação do voo da SwissAir não tinha (no momento que chamou por pan-pan) a magnitude do problema que estava passando e apesar de uma experiente tripulação, infelizmente teve um fim trágico.

Em relação ao SwissAir, sugiro buscar os documentários de voo (alguns inclusive no YouTube), são bastante 'esclarecedores' e que dão maior dimensão do ocorrido.

A tripulação do voo da LATAM, já foi bastante diferente, uma vez que o problema aparentemente era elétrico (falo aparentemente uma vez que as investigações da causa da pane estão em andamento e não existe nada conclusivo).

Abraço!



_________________
Flôres, F. Gustavo
ANC001 - Board Member Anumará Cargo - http://www.anumara-cargo.com
GustavoMinuano
GustavoMinuano
Tenente-Coronel
Tenente-Coronel

Masculino
Inscrito em : 28/02/2011
Mensagens : 504
Reputação : 26
Idade : 38
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Analista de Sistemas
Nacionalidade : Brasil

http://www.gustavoflores.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Mensagem por André Vieira em Qui 17 Jan 2019, 09:10

Realmente você está certo. No Swissair 111 tinha incêndio e no Latam 8084, não havia incêndio, mas problemas na distribuição de energia da aeronave. O Swissair 111 tinha fogo a bordo. Aquele voo, aos 52 minutos, já em nível de cruzeiro, a tripulação percebe um cheiro de fumaça na cabine. Cheiro de fumaça. Quanto ao cheiro de fumaça a tripulação precisa ter um olfato bem apurado em treinamento para saber de que material se trata.
Lembro-me de um translado de um helicóptero do Rio de Janeiro para a Flórida com paradas para abastecimento. Eles levavam um mecânico a bordo. Já chegando na Flórida-USA, exalava cheiro de queimado a bordo e o mecânico reportou que não era nada grave e eles continuaram. Ele conhecia o material que tinha exalado o cheiro de queimado. O olfato do comandante e do primeiro oficial é chave em um caso como este. Penso eu que se eles tivessem sido bem treinado, quanto a isto, eles voariam de volta para o aeroporto mais próximo. Era Halifax-Canadá. Com o decorrer do tempo, agora com presença de uma pequena fumaça, eles tomara a decisão de abortar o voo. De repente a fumaça parou. Logo no início ela era intermitente. A tripulação do Swissair 111 entra em contato com o controle aéreo de Moncton-Canadá. O Swissair 111 reporta o problema e a torre pergunta qual era o peso total da aeronave e questiona a altitude do Swissair 111 para pouso imediato. Ele estava muito alto para ir direto para a pista. Mas, ao mesmo o controle de Moncton-Canadá se preocupa muito com o Swissair 111 no sentido de fazer alijamentos logo. Na minha percepção a altura a ser perdida era muito pior que perder combustível. O Latam 8084 (mais pesado que o Swissair 111 ) não fez 90% de alijamento. O Latam 8084 pousou acima do peso. É isto que questiono na minha fala. O Swissair 111 poderia utilizar o speed brake (perder altura rápido) e ao mesmo tempo alijava combustível. O controle de Moncton-Canadá continuava preocupado em o Swissair 111 alijar combustível e ainda perguntara (alijar próximo ao aeroporto ou no mar). O Swissair 111 relata. No mar. Orbitando no mar. A fumaça volta pior e em forma de fogo e depois incêndio. Perdera controles. A tripulação do Swissair 111 não foi proativa como o Latam 8084.
Concluindo Vossa Senhoria está certo.

André Vieira
Segundo-Tenente
Segundo-Tenente

Masculino
Inscrito em : 16/01/2019
Mensagens : 21
Reputação : 0
Idade : 51
Simulador preferido : fs 2004
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Mensagem por André Vieira em Qui 17 Jan 2019, 10:41

Quando o cheiro de queimado foi presencial na cabine. Abortava o voo ali e iria para Halifax. Proatividade. Faltou isto. Primeiro vem o cheiro e depois vem a fumaça de forma intermitente. O aborto do voo era para ontem. A tripulação do Latam foi extremamente proativa. O pouso em SBCF era urgente + urgente + urgente. Assim fez a tripulação. Pouso este feito acima do peso pré estabelecido. Deu tudo certo. Dá impressão que a tripulação da aeronave suíça não tinha um bom treinamento para panes. Principalmente para incêndio a bordo.

André Vieira
Segundo-Tenente
Segundo-Tenente

Masculino
Inscrito em : 16/01/2019
Mensagens : 21
Reputação : 0
Idade : 51
Simulador preferido : fs 2004
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Mensagem por GustavoMinuano em Qui 17 Jan 2019, 11:46

André,

Na base da suposição acidente nenhum ocorreria. Enfim, MD11 e B777 são aeronaves DIFERENTES e procedimentos bem distintos.

Em relação ao alijamento de combustível ele é coordenado com o controle de tráfego aéreo em áreas demarcadas nas cartas para essa finalidade.

Volto a repetir: Pesquise no YouTube os áudios da Caixa-Preta do SwissAir 111 (como este por exemplo -> https://www.youtube.com/watch?v=c21XbISt95E) e os documentários sobre o acidente que você vai ver (e não é suposição) de que a tripulação era extremamente competente, porém a sucessão de problemas fez com que o resultado fosse o fatídico acidente.

Atenciosamente,

_________________
Flôres, F. Gustavo
ANC001 - Board Member Anumará Cargo - http://www.anumara-cargo.com
GustavoMinuano
GustavoMinuano
Tenente-Coronel
Tenente-Coronel

Masculino
Inscrito em : 28/02/2011
Mensagens : 504
Reputação : 26
Idade : 38
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Analista de Sistemas
Nacionalidade : Brasil

http://www.gustavoflores.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Mensagem por rodrigo mago em Qui 17 Jan 2019, 12:38

André Vieira escreveu:Quando o cheiro de queimado foi presencial na cabine. Abortava o voo ali e iria para Halifax. Proatividade. Faltou isto. Primeiro vem o cheiro e depois vem a fumaça de forma intermitente. O aborto do voo era para ontem. A tripulação do Latam foi extremamente proativa. O pouso em SBCF era urgente + urgente + urgente. Assim fez a tripulação. Pouso este feito acima do peso pré estabelecido. Deu tudo certo. Dá impressão que a tripulação da aeronave suíça não tinha um bom treinamento para panes. Principalmente para incêndio a bordo.
André Vieira, mais atenção às regras! No caso acima, regra 06.

_________________
Rodrigo Nogueira Braga
I5 4590/ 16gb RAM Corsair Vengeance 2X8Gb 1600mhz/ GTX 970 ZOTAC /Z97M -plus/br/ Yoke com Throttle Saitek/ Pedal Saitek/ Throttle Saitek/ Gabinete HAF932-Mouse mamba/ W10 64bits/ MCP/Multi-radio/USB Interface/Manche Saitek Cyborg V1
rodrigo mago
rodrigo mago
Moderador
Moderador

Masculino
Inscrito em : 27/01/2010
Mensagens : 5033
Reputação : 383
Idade : 49
Simulador preferido : Prepar 3D
Emprego/lazer : comerciante
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Se o comandante do acidente da Swiss International Air Lines fizesse o que o Latam fez em SBCF ele não cairia.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum