Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Ir em baixo

QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por André Ricardo Vieira em Ter 30 Jan 2018, 10:39

Prezados Amigos Comandantes. Quando eu tenho uma condição de QNH de 1026 (Exemplo) em Curitiba, pelo fato do Afonso Pena ter uma altitude elevada em relação ao nível do mar, eu terei um ar mais denso, neste caso meu pouso é mais tranquilo e o efeito da altitude diminui. É isto?. Imagino eu. Então com 1026 fica mais fácil de pousar e pelo contrário vou usar usar mais pista para decolar por conta do ar está mais pesado (mais arraste). O meu raciocínio está correto? Isto vale também para o El Alto-La Paz, Brasília, SBQV - Vitória da Conquista. Estou certo ou errado? Att André
avatar
André Ricardo Vieira
Primeiro-Tenente
Primeiro-Tenente

Masculino
Inscrito em : 30/01/2018
Mensagens : 73
Reputação : 3
Idade : 50
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por João Pedro em Ter 30 Jan 2018, 13:11

Curto e grosso falando, quanto menor a pressão, mais pista usa.

A explicação física para isso é que, considerando a atmosfera como um gás ideal, o modelo diz que a densidade do ar é diretamente proporcional à pressão e inversamente proporcional à temperatura. Isso significa, que pressões mais altas e temperaturas mais baixas proporcionam um ar mais denso. E como isso interfere no regime de potência? O Lito explica melhor do que eu, então aí vai: "A densidade do ar tem um efeito profundo na potência produzida por um motor a jato, pois o volume de ar que entra nos motores em qualquer regime de RPM é “quase” fixo, por causa da geometria do duto de entrada. Como a potência é determinada pela massa e não pelo volume de ar, qualquer diminuição na densidade diminui a massa e consequentemente a potência."

O que mais interfere na distância de corrida de decolagem - assim como na de pouso - é o vento. Vento de cauda significa numa corrida maior e de proa uma corrida menor. Isso acontece porque o avião voa devido ao movimento relativo entre a asa e o ar.
EDIT: Como tudo com imagens fica mais fácil, aqui a explicação intuitiva de porque isso ocorre:



Na situação de Vento de Cauda a velocidade relativa entre a asa do avião e o ar é dada por:

Vasa = Vaviao - Vvento

Na situação em que ocorre o Vento de Proa:

Vasa = Vaviao + Vvento

Logo, dada a mesma velocidade do avião e a mesma velocidade do vento, o vento de proa fornece uma maior velocidade na asa, e consequentemente mais sustentação. Considerando a aceleração do avião constante, fica claro que para chegar na mesma velocidade na asa, é necessário gastar mais pista quando se enfrenta vento de cauda. Analogamente para o pouso, enfrentando vento de cauda a velocidade do avião (em relação ao solo) é maior do que ela seria se o avião estivesse contra o vento, o que aumenta a distância de pouso.

Espero que tenha ficado claro. Deixo de recomendação dois artigos do Aviões e Músicas, um do Lito e outro de um colaborador que é piloto de ATR. Eles explicam muito bem a relação entre temperatura, pressão e performance e as consequências disso na aviação.;
http://www.avioesemusicas.com/e-se-um-motor-falhar-durante-a-decolagem.html
http://www.avioesemusicas.com/como-assim-cancelaram-o-voo-por-causa-do-calor-pode-isso.html

Abraço.

_________________
João Pedro Duarte
Conheça o Mach, ferramenta para planejamento online de voo totalmente gratuita: https://jpedroh.github.io/mach/
avatar
João Pedro
Brigadeiro
Brigadeiro

Masculino
Inscrito em : 30/11/2011
Mensagens : 2746
Reputação : 225
Idade : 18
Simulador preferido : P3D
Emprego/lazer : Estudante
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por André Ricardo Vieira em Ter 30 Jan 2018, 13:38

Cmte João Pedro. Está muito bem explicado sim. Tudo em detalhe. Grato

Isto tudo independente da Altitude? E a variável "ALTITUDE", onde fica?. Altitudes maiores menor pressão atmosférica e ar mais rarefeito. Se o ar é mais denso com 1024 a densidade do ar iria me ajudar em La Paz. Pousar em La Paz (El Alto) com 1026 é melhor do que pousar em La Paz com 1013 ?. Não tinha levado em consideração a questão dos motores. Tem sentido sim. Grato André
avatar
André Ricardo Vieira
Primeiro-Tenente
Primeiro-Tenente

Masculino
Inscrito em : 30/01/2018
Mensagens : 73
Reputação : 3
Idade : 50
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

DÚVIDA ESCLARECIDA.

Mensagem por André Ricardo Vieira em Ter 30 Jan 2018, 15:04

Muito Grato. Att André
avatar
André Ricardo Vieira
Primeiro-Tenente
Primeiro-Tenente

Masculino
Inscrito em : 30/01/2018
Mensagens : 73
Reputação : 3
Idade : 50
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por João Pedro em Ter 30 Jan 2018, 16:28

André, essa relação com a altitude eu sinceramente não sei responder com precisão. Mas posso sugerir algumas coisas... O ar é mais rarefeito, logo a pressão do sistema diminui, mas ao mesmo tempo a temperatura também diminui, o que pode chegar a compensar... Teria que plotar os dados para dar uma olhada.

Abraço.

_________________
João Pedro Duarte
Conheça o Mach, ferramenta para planejamento online de voo totalmente gratuita: https://jpedroh.github.io/mach/
avatar
João Pedro
Brigadeiro
Brigadeiro

Masculino
Inscrito em : 30/11/2011
Mensagens : 2746
Reputação : 225
Idade : 18
Simulador preferido : P3D
Emprego/lazer : Estudante
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por André Ricardo Vieira em Qua 31 Jan 2018, 12:16

Grato João Pedro. Att André
avatar
André Ricardo Vieira
Primeiro-Tenente
Primeiro-Tenente

Masculino
Inscrito em : 30/01/2018
Mensagens : 73
Reputação : 3
Idade : 50
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por João Pedro em Qua 31 Jan 2018, 21:06

André, dei mais uma lida por aqui...

Primeiramente a minha ideia de que a diminuição na temperatura compensaria a mudança na pressão foi por água abaixo. Achei esse gráfico na Wikipédia que mostra o comportamento da densidade do ar em relação a temperatura e a altitude (a pressão é calculada em função da altitude e da temperatura e depois cai naquele modelo anterior de densidade), e se observa o decréscimo que a gente estava especulando na densidade.



Mas como isso interfere na performance de pouso e decolagem. Bom, vamos lá... Ela tem relação direta com a questão da sustentação. A sustentação de uma asa é diretamente proporcional a área da asa, ao quadrado da velocidade relativa com o fluido em questão e também a densidade do ar.

Ora, suponha que tenhamos uma aeronave com peso igual a 68kN. Para que ela vença a gravidade, ela precisa de uma força de sustentação de no mínimo 68kN, momento em que ela começará a subir. No caso em que ela esteja em atmosfera padrão 1013hPa, ela precisará de uma certa velocidade V. Porém, no caso em que ela está em uma pressão mais elevada - como em um aeroporto mais alto por exemplo, a densidade do ar diminui como a gente já viu anteriormente e logo pra conseguir a mesma sustentação alguma coisa tem que mudar.

-> Ou dá mais flap pra aumentar a superfície da asa.
-> Ou aumenta o ângulo de ataque.
-> Ou aumenta a velocidade.

Em muitos casos, a única variável que pode ser alterada é a própria velocidade. Aumentar mais o ângulo de ataque pode resultar em um tail-strike por exemplo, e aumentar a superfície com os flaps pode prejudicar o segmento de subida. Logo, aumentando-se a velocidade com a mesma potência, mais corrida de decolagem, mais corrida de pouso.

Junte isso com a própria questão do limite dos motores que comentamos anteriormente e você vai adicionando limitantes de performance ao voo wink. Assim como o esperado.

É meio complicado explicar alguns conceitos de aerodinâmica porque é um verdadeiro bicho de sete cabeças. Esse é um modelo bem simplório. Tem ainda a questão de que o arrasto cresce com a velocidade, por exemplo... Eu tô longe de saber de tudo, e sou apenas um acadêmico de física, então estou fazendo uma análise puramente teórica que pode ser diferente do que se ver na prática. Então se eu tiver falado besteira e alguém tiver alguma adição fique a vontade wink. Espero que tenha ficado claro e qualquer dúvida só perguntar. Por mim, a gente fala por anos disso tudo kkkk.

Abç.

_________________
João Pedro Duarte
Conheça o Mach, ferramenta para planejamento online de voo totalmente gratuita: https://jpedroh.github.io/mach/
avatar
João Pedro
Brigadeiro
Brigadeiro

Masculino
Inscrito em : 30/11/2011
Mensagens : 2746
Reputação : 225
Idade : 18
Simulador preferido : P3D
Emprego/lazer : Estudante
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por André Ricardo Vieira em Qui 01 Fev 2018, 12:33

Cmte João Pedro. Grato pelas informações adicionais. Vale muito ter conhecimento sim. Todos nós do voo virtual só ganhamos com os conhecimentos. Estive em Recife na década de 80 e é uma bela cidade. Fui em uma excursão de ônibus e ficamos em uma casa paroquial ou em um convento (não me lembro). Lembro de muitos pés de manga no lugar que fiquei e que ficava no centro de Recife. Uso muito o Guararapes para escala. O Encanta Moça e aquela cabeceira leste não é brincadeira pousar lá. Só conheço via simulador, mas não conheço no real. Aqui em Canavieiras usamos muita a pista 13. O vento nordeste atua muito por aqui com frequência. Nosso aeródromo foi recuperado, mas não temos voos regulares de nenhuma empresa. Tem Canavieiras para o fs 2004. Está bem realístico. No virtual, uso muito Recife quando vou para Dakar-Senegal. Pouso em Recife e depois em Noronha e faço uma escala em São Felipe-Cabo Verde e finalmente Dakar. Um abraço. Att André (Canavieiras-BA)
avatar
André Ricardo Vieira
Primeiro-Tenente
Primeiro-Tenente

Masculino
Inscrito em : 30/01/2018
Mensagens : 73
Reputação : 3
Idade : 50
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por João Pedro em Qui 01 Fev 2018, 14:20

Recife está muito diferente dos anos 80 então, haha, assim como muitas das grandes cidades brasileiras

Qualquer coisa estamos a disposição Very Happy

Abraço

_________________
João Pedro Duarte
Conheça o Mach, ferramenta para planejamento online de voo totalmente gratuita: https://jpedroh.github.io/mach/
avatar
João Pedro
Brigadeiro
Brigadeiro

Masculino
Inscrito em : 30/11/2011
Mensagens : 2746
Reputação : 225
Idade : 18
Simulador preferido : P3D
Emprego/lazer : Estudante
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por André Ricardo Vieira em Qui 01 Fev 2018, 15:18

Muito grato. Tenho muitos aeroclubes de Pernambuco no fs 2004. Que projeto legal. Um forte abraço Att André Canavieiras BA
avatar
André Ricardo Vieira
Primeiro-Tenente
Primeiro-Tenente

Masculino
Inscrito em : 30/01/2018
Mensagens : 73
Reputação : 3
Idade : 50
Emprego/lazer : Professor Universitário
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por andre_sp em Sex 02 Fev 2018, 11:12

Grande aula João Pedro. aplauso

_________________
A vantagem da honestidade é que a concorrência é pequena.
avatar
andre_sp
Moderador
Moderador

Masculino
Inscrito em : 26/08/2009
Mensagens : 11343
Reputação : 1015
Idade : 49
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Aviação
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: QNH e a sua influência nas decolagens e pousos. (Dúvidas)

Mensagem por João Pedro em Sex 02 Fev 2018, 15:03

Obrigado, André Smile

_________________
João Pedro Duarte
Conheça o Mach, ferramenta para planejamento online de voo totalmente gratuita: https://jpedroh.github.io/mach/
avatar
João Pedro
Brigadeiro
Brigadeiro

Masculino
Inscrito em : 30/11/2011
Mensagens : 2746
Reputação : 225
Idade : 18
Simulador preferido : P3D
Emprego/lazer : Estudante
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum