Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.



[Internacional] Airbus quer ser o Uber dos carros voadores sem motoristas

Ir em baixo

[Internacional] Airbus quer ser o Uber dos carros voadores sem motoristas

Mensagem por Amilckar em Sex 02 Set 2016, 07:17

Airbus quer ser o Uber dos carros voadores sem motoristas


Divulgação/Airbus Group

Futuro: o primeiro protótipo do carro voador autônomo será testado no ano que vem



São Paulo – A Airbus tem uma ideia ambiciosa para acabar com o engarrafamento das grandes cidades. A fabricante de aeronaves anunciou em um comunicado no seu site que está desenvolvendo carros autônomos voadores que funcionarão como o Uber do futuro.

O projeto, chamado de Vahana, está sendo desenvolvido pelo A3, o time de inovação da companhia, desde fevereiro deste ano. O sistema deve funcionar de maneira similar ao app de partilha de automóveis, em que o usuário faz a requisição de um veículo pelo smartphone.

A Airbus espera que o primeiro protótipo seja testado já em 2017 e que o produto esteja no mercado em menos de dez anos. Segundo Rodin Lyasoff, engenheiro executivo do projeto, a maior barreira a ser ultrapassada é a tecnologia sensorial, necessária para que um veículo não se choque contra prédios e pessoas. Para Lyasoff, “muitas das tecnologias necessárias, como baterias, motores e aviônicos estão quase prontas”.

Apesar de a tecnologia sensorial ainda estar dando seus primeiros passos com os carros autônomos, ela pode ser desenvolvida de maneira mais rápida para veículos voadores. Isso porque esses precisam lidar com menos obstáculos, pois podem se mover em três dimensões, em vez de apenas duas (no caso dos carros tradicionais).

Outro desafio que a Airbus precisa enfrentar é a restrição legal de veículos autônomos em áreas urbanas. Atualmente, nenhum país permite que drones sem pilotos remotos sobrevoem as cidades.

A solução para esse problema, segundo a Airbus, é a construção de tubos que servirão de rotas aéreas. O primeiro local a receber as estradas será o campus da Universidade Nacional de Cingapura. Nele, a Airbus irá testar um serviço de entrega de encomendas feitas a partir de drones. O teste será feito em meados de 2017.

A Airbus não é a primeira empresa a ter a ideia de construir carros voadores. Startups como a chinesa Ehang 184 e a alemã e-Volo já construíram drones capazes de transportar um passageiro por vez

Fonte: Exame

_________________
Carlos Amilckar
avatar
Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 11034
Reputação : 508
Idade : 53
Simulador preferido : P3D V3
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum