Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Brasil] C-767 é o novo avião de transporte da FAB

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Brasil] C-767 é o novo avião de transporte da FAB

Mensagem por Amilckar em Qui 30 Jun 2016, 11:09

C-767 é o novo avião de transporte da FAB

Boeing 767, que foi arrendado pela Força Aérea Brasileira, está pronto para ser entregue e receberá a matrícula 2900


O Boeing C-767 2900 pronto para ser entregue à FAB (reprodução: Fórum Aeroentusiasta)

Está pronta a mais nova aeronave da Força Aérea Brasileira. Designado como C-767, o Boeing 767 arrendado pelo Brasil foi finalizado por uma empresa americana e deve seguir para a base aérea do Galeão nos próximos dias. Com a numeração 2900, o novo avião de transporte da FAB é uma solução temporária após a aposentadoria dos KC-137, os famosos “sucatões”.



Na FAB, ele será responsável por diversas funções “como troca do contingente militar brasileiro que atua nas missões de paz no Haiti e no Líbano, o eventual transporte de delegações e contingentes militares nos Jogos Olímpicos Rio 2016, resgate de nacionais em áreas de conflito, atividades científicas e humanitárias”, disse o comunicado da Aeronáutica no início do mês.



A aeronave alugada pela FAB por três anos e renovável por mais um foi fabricada em 1992 e voou em três companhias. Foi entregue nova para a Martinair Holland onde voou por quase 20 anos. Em 2013, foi usada pela empresa grega SkyGreece Airlines onde teve uma curta passagem pela Air Madagascar. Com o fim das operações da SkyGreece, o 767 estava parado desde agosto do ano passado.



De acordo com a FAB, o 767 foi um investimento de US$ 20 milhões e a meta é utilizar o avião durante os Jogos Olímpicos, em agosto.



Programa KC-X2

A chegada do C-767, no entanto, não resolve a necessidade da Força Aérea Brasileira em ter em seu inventário um avião próprio para transporte e reabastecimento aéreo, previsto no programa KC-X2. A licitação para adaptação do mesmo modelo Boeing 767 para o padrão KC-767, capaz de reabastecer aviões em voo, foi vencida pela empresa IAI, de Israel, em 2013, mas não há previsão de quando  o governo federal assinará o contrato que prevê a conversão de três aeronaves.



Enquanto isso, apenas o lento C-130 Hercules está apto a reabastecer os caças atualmente.



Fotos publicadas no fórum Aeroentusiasta

Fonte: Airway

_________________
Carlos Amilckar

Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 10848
Reputação : 494
Idade : 51
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum