Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Brasil] Anac bloqueia helicóptero de R$ 15 milhões de Neymar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Brasil] Anac bloqueia helicóptero de R$ 15 milhões de Neymar

Mensagem por Amilckar em Seg 29 Fev 2016, 11:54

Anac bloqueia helicóptero de R$ 15 milhões de Neymar

Gerard Julien/AFP


Neymar: Fazenda suspeita de sonegação de impostos de 2011 a 2013; Justiça Federal manteve a decisão provisória de bloquear R$ 188 milhões de bens do atacante


São Paulo - A Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) bloqueou um helicóptero de Neymar no valor de 3,8 milhões de dólares (15 milhões de reais).

A aeronave, registrada em nome de uma de suas empresas, foi comprada pelo jogador em 2013 e não estava na lista de bens e propriedades congeladas pela 7ª Vara Federal de Santos no dia 15 de fevereiro.

Em termos práticos, a exemplo do que aconteceu com os bens bloqueados anteriormente, Neymar poderá utilizar a aeronave normalmente, mas não poderá comercializá-la. Os advogados do jogador informaram que vão recorrer da decisão ao Tribunal Regional Federal da 3ª Região.

Um dos bens de maior destaque de Neymar é o seu jatinho personalizado, que foi congelado pela Justiça após ofício enviado pela 7ª Vara Federal de Santos.



No início do mês, a Justiça Federal manteve a decisão provisória de bloquear R$ 188 milhões de bens do atacante Neymar, de seus pais, Neymar da Silva e Nadine da Silva Santos, e das empresas Neymar Sport e Marketing, N&N Consultoria Esportiva e Empresarial e N&N Administração de Bens Participações e Investimentos.

O bloqueio foi feito a partir de um pedido da Procuradoria da Fazenda Nacional que suspeita de sonegação de impostos de 2011 a 2013, período em que ainda defendia o Santos. Segundo a Receita Federal, Neymar deixou de pagar R$ 63,6 milhões, referentes a direitos de imagem.

O órgão avalia que os rendimentos eram de natureza salarial, o que significaria uma tributação maior. O valor inicial foi reajustado por causa de uma multa de 150% em decorrência da denúncia tributária e dos juros e subiu para R$ 192 milhões. A sentença cabe recurso da defesa do jogador.

Fonte: Exame

_________________
Carlos Amilckar

Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 10849
Reputação : 494
Idade : 51
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum