Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Brasil] Personal flyer que mora em Florianópolis usa conhecimento de piloto para acalmar passageiros em voos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Brasil] Personal flyer que mora em Florianópolis usa conhecimento de piloto para acalmar passageiros em voos

Mensagem por Amilckar em Sex 15 Nov 2013, 10:16

Personal flyer que mora em Florianópolis usa conhecimento de piloto para acalmar passageiros em voos

Luiz Bassani presta serviços desde 2005 e acompanha passageiros em viagens.

Luiz Bassani foi piloto da Varig por 29 anos

Será que o avião vai cair? Essa é a primeira pergunta que algumas pessoas se fazem antes de entrar em um voo. Para Luiz Antônio Bassani Teixeira, 58 anos, ex-comandante da Varig, essa é a última pergunta que faz aos passageiros que contratam seus serviços durante uma viagem de avião.

Desde 2005, ele é personal flyer — termo que o próprio inventou — e acompanha passageiros uma hora antes da decolagem, durante o voo e 30 minutos depois da chegada. O tempo antes e depois do voo é mesmo o que usava para se preparar quando era piloto — ele trabalhou por 29 anos na Varig.

O serviço dele — que custa US$ 250 a hora (cerca de R$ 582) — é de acompanhar quem tem medo de voar, usando todo seu conhecimento de piloto para acalmar a ansiedade dos passageiros.

— Vejo que muitas pessoas têm medo de chegarem atrasadas na hora do voo. Eu dou dicas de que documentos levar, mostro desenhos dos aviões e já cheguei a fazer um mapa do aeroporto para um passageiro chegar até o portão de embarque — conta o ex-comandante.

Bassani conta que os passageiros querem saber tudo o que está acontecendo durante o voo:

— Eles perguntam sobre barulhos, sobre os tripulantes, sobre o tempo. Com as minhas explicações, vão se acalmando — exemplifica.

A rotina é de três voos por mês — normalmente saídos de São Paulo, com destinos a Brasília e cidades do Nordeste, por exemplo. Ele também acompanha os passageiros em voos internacionais, mas evita pela duração das viagens.

Desde 1996, o ex-comandante, que é carioca, mora em Florianópolis com a mulher — já habituada à rotina dos voos do marido.

O contato com quem o procura normalmente é feito por e-mail, para que Bassani conheça os motivos de ser contratado. Executivos são os clientes mais habituais.

— Alguns pais de famílias também me procuram porque têm medo de voar e não levam a família — cita.

O que ele indica para um voo tranquilo é tomar água de hora em hora, manter a calma, respirar corretamente e fazer até uma meditação.

— Eram as indicações que eu seguia nos meus voos — afirma o ex-comandante.

Segundo livro já está pronto

Depois que se aposentou, Bassani escreveu o livro O Mundo do Avião - e Tudo o Que Você Precisa Para Perder o Medo de Voar. Ele também começou a fazer palestras onde explicava o funcionamento dos aviões e foi por causa disso que teve a ideia de começar a acompanhar os passageiros. — Se as pessoas tivessem mais acesso, mais conhecimento do avião, não teriam esse medo — acredita o ex-comandante. Bassani já escreveu o segundo livro, chamado de Voando sem medo, ainda sem previsão de lançamento. Para escrevê-lo, baseou-se em perguntas que os passageiros faziam nos seus voos. Ele coletou as informações durante cinco anos.

Fonte: Juliana Almeida (Hora de Santa Catarina) - Foto: Cristiano Estrela/Agência RBS
Via: Aviationnews

_________________
Carlos Amilckar

Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 10848
Reputação : 494
Idade : 51
Simulador preferido : FSX
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum