Voo Virtual
Olá, seja bem-vindo(a) ao Voo Virtual. Caso ainda não seja membro da nossa comunidade, registre-se, para que possa participar ativamente e ter acesso a todos os conteúdos do site.
Por favor leia as regras do fórum aqui antes de postar, para evitar advertências e suspensão.


[Internacional] Emirados Árabes reabrem negociações sobre treinadores avançados

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

[Internacional] Emirados Árabes reabrem negociações sobre treinadores avançados

Mensagem por Amilckar em Sab 19 Jun 2010, 15:33

Emirados Árabes reabrem negociações sobre novos treinadores avançados





O jato treinador KAI T-50 Golden Eagle, que está em operação na Força Aérea da República da Coreia (RoKAF), está sendo oferecido em parceria com a Lockheed para os Emirados Árabes Unidos. (Foto: RoKAF)

A Lockheed Martin confirmou que os Emirados Árabes Unidos retomaram as negociações com as empresas competidoras para o contrato de fornecimento de uma frota de jatos treinadores avançados e aeronaves leves de ataque, cerca de 16 meses depois de assinar um acordo com a Alenia Aermacchi.

Os Emirados Árabes nunca finalizaram o contrato planejado para comprar 48 jatos M-346 Master após o anúncio do acordo feito em fevereiro de 2009 na exibição IDEX em Abu Dhabi.
O ministro da defesa promoveu uma coletiva de imprensa durante o Dubai Air Show em novembro passado para fazer um anúncio sobre o acordo, mas cancelou o evento minutos antes do programado para iniciar.
O acontecido levantou dúvidas sobre a habilidade da Alenia Aermacchi de garantir o acordo contra seus rivais da BAE Systems, oferecendo o Hawk 128, e a parceria Korea Aerospace Industries/Lockheed com o T-50 Golden Eagle.
Perguntado se a Lockheed acredita que o tenha o jato treinador/ataque leve de volta na disputa, o diretor de desenvolvimento de negócios do T-50 da Lockheed Doug Miller disse: “Sim, eu acredito nisso.”
Miller adiciona que as negociações com os oficiais dos Emirados Árabes Unidos não estão oficialmente definidos em Abu Dhabi. “Mas certamente existe uma atividade renovada e as discussões com os candidatos viáveis estão de volta,” ele disse.
É possível que os Emirados possam simplesmente atrasar a conclusão do contrato por um “número de anos”, disse Miller.
Fonte: Cavok
avatar
Amilckar
Colaborador - Notícias de aviação
Colaborador - Notícias de aviação

Masculino
Inscrito em : 12/10/2009
Mensagens : 11015
Reputação : 506
Idade : 52
Simulador preferido : P3D V3
Emprego/lazer : Militar aposentado
Nacionalidade : Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum